Malandro Mané IV

Eduardo com o corpo todo dolorido e ainda sem querer entender muita coisa, pois maladrão que era não se conformava. Pediu a enfermeira para acionar a policia do hospital, pois desejava registrar um BO, contra o valentão e a safada puta da Mariana. Por sacanagem dela, havia perdido a casa, comida e roupa lavada que Berta lhe proporcionava.

A enfermeira troncuda, rindo disse que iria avisar ao plantão policial e logo pela manhã os policiais iriam ter com ele.

Ao amanhecer, Eduardo ainda quebrado, recebeu a visita dos militares. Qual a sua surpresa ao avistar Betão fardado e com um parceiro de trabalho com o dobro do seu tamanho.

Gaguejando e morrendo de medo, desconversou e disse que nada tinha para falar. Havia caído do trem e com certeza a enfermeira havia se confundido.

Betão rindo, deu duas tapinhas na bochecha de Eduardo.

– É isso ai companheiro. Você é um homem de sorte! Cuidado para da próxima vez que você cair do trem… Você não vá para o cemitério.

Após os militares saírem, Eduardo respirou fundo e concluiu que teria que chamar a enfermeira para lhe ajudar, pois estava todo urinado e não queria pagar mico diante dos demais doentes da enfermaria.

Logo entrou o servente para limpar o recinto cantarolando.

♫ E malandro é malandro

Mané é Mané,
Podes crer que é
Malandro é malandro
E Mané é Mané
Diz aí!
Podes crer que é… ♫

casamento

Mariana casou-se com Betão, que via nela a mulher mais linda e espetacular que ele poderia encontrar. Viveram felizes para sempre e continuaram freqüentando o “Barzinho do Amor”

Eduardo esta até hoje procurando uma trouxa que o sustenha. Enquanto não aparece uma, porque mulher trouxa esta escasso… Teve que procurar um trabalho.

Um trabalho bem digno de um gigolô, cara de pau e safado.

Vejam o Eduardo em plena atividade.


Trabalho duro com Elefantes.

Kika

About Kika

Meu nome já não importa, mais meu apelido é Kika. Sou carioca da gema, do signo de peixes. Já passei da idade dos sonhos. Por incrível que possa parecer, ainda não descobri a minha missão e no momento não estou fazendo questão. Amo a natureza e todos os seus habitantes. Gosto de ir ao cinema, ao teatro. Quase sempre escuto o bom Blues. Procuro sempre me manter ocupada, isso me faz esquecer os problemas e a solidão. Não gosto de situações aborrecidas e tediosas e muito menos ter que ser simpática quando não o quero ser e nunca me importo com o que falam de mim ou pensam ao meu respeito. Sou direta e nunca faço rodeios. Tenho vários defeitos e não faço questão de corrigi-los. Sou assim e pronto! Desejo que você goste da minha NAVE e qualquer contato é só deixar o seu recado que eu retorno. Muita paz a todos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>